Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

livros-abertos

uma bibliografia de trazer por casa



Domingo, 19.06.16

"História de um cão chamado Leal" de Luís Sepúlveda

um_cao_chamado_leal

Sepúlveda, Luís. 2016. História de um cão chamado Leal. Ilustrações de Paulo Galindro. Porto Editora.

Após Patagónia Express e O velho que lia romances de amor, este terá sido o terceiro livro de Sepúlveda que li. É, em qualquer caso, um livro diferente. Poderia defini-lo como um livro triste. Espero não ter sido influenciado pelo estado de prostração física que experimentei na tarde em que o fiz, mas é um facto que me deixou tão deprimido quanto encantado.

Sepúlveda tem, herdado dos seus ancestrais, sangue "mapuche" e esta é a sua versão de uma história que ouviu narrar a um seu tio-avó, na tradição das milenares culturas orais. A história em si, nada tem de original mas Luís Sepúlveda inova, desde logo, porque o narrador é o próprio cão, Leal de seu nome e caráter inscrito como se de uma profecia a cumprir se tratasse. Do início ao fim da curta narração, jamais deixamos a pele deste pastor-alemão. Nele farejamos, passamos fome e frio, sofremos violências. Nele sentimos os cheiros e os afetos que nos guiam e motivam. Rasteirinhos, talvez, mas muito dignos e ricos. Pouco importa se foi curta a vida (eventualmente interrompida) que vivemos, contanto que tenha sido vivida com integridade, arte e nobreza de caráter.

Uma palavra para as ilustrações de Paulo Galindro: são belíssimas e alcançam uma rara integração narrativa com o texto. Não são ilustrações do conto, mas a atmosfera em que as palavras evoluem. São, além disso, uma forte evocação do "realismo mágico" ambiente literário dos maiores romances latino-americanos do final do século XX.

Não fora a tonalidade dolorosa, dominante, e eu diria que, apesar da tristeza que perpassa, é um belo livro, no sentido literal da expressão.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por JNobre



Outros lugares

foto do autor

  • [+]
  • 7 seguidores

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Junho 2016

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930

Posts mais comentados




Tags

mais tags